[X]

A rota caminho das origens

O Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável Caminho das Origens concentra-se na região centro-oeste do estado do Rio Grande do Sul. A Rota Caminho das Origens é a prática do Programa de Desenvolvimento do Turismo Regional. A ideia de integrar os referidos municípios nasceu da necessidade de encontrarem um denominador comum que sirva de vetor para o desenvolvimento e como alternativa viável para dinamizar a economia regional. A união dos municípios se encontra de maneira que cada município possa demonstrar suas atrações turísticas.

Nova Esperança do Sul, Capital da Bota, caracteriza-se pelas fábricas de artefatos em couro, além de sua natureza exuberante com matas e cascatas.

Jaguari tem o título de Cidade das Belezas Naturais, com uma gastronomia baseada na cultura italiana, com a produção de uva e de vinho.

Bossoroca caracteriza-se como Terra Missioneira, com seus vastos campos e criações de gado, além da agricultura, em grande crescimento.

Mata possui um vasto sítio arqueológico.

Itacurubi tem como principais pontos turísticos, a Cascata Inhaquã, a Fazenda Rancho Grande e o Templo de Pentecostes.

Cacequi é conhecida como a Capital da Melancia ou Terra da Melancia.

Capão do Cipó, capital da soja com uma produção exuberante no cenário gaúcho.

Santiago conhecida por ser a Terra dos Poetas e Cidade Educadora, é um grande pólo Regional.

Unistalda conhecida pela Capital do Pau-ferro por ter uma grande concentração desta árvore nativa, é a maior reserva da América Latina, histórica por guardar na Estância do Carneirinho mitos e lendas das revoluções.

São Francisco de Assis conhecida como a Terra do Bugio, está localizada a margem esquerda do rio Ibicuí. Principais pontos turísticos são o Museu Cônego Hugo e a Praia de Jacaquá.

São Vicente do Sul...

Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável Caminho das Origens.

Presidido pelo Prefeito Horácio Brasil, de São Francisco de Assis.